terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

O Seu trabalho Importa para Deus


“Meu Pai nunca para de trabalhar, então eu continuo trabalhando também.” – João 5:17

Um vendedor parou para visitar um cliente e ficou impressionado ao encontrar um cachorro limpando as latas de lixo. “Faz parte do trabalho!”, disse o cachorro alegremente. “O seu patrão sabe o quanto ele tem sorte por ter um cão que fala?” perguntou o vendedor. “Não”, respondeu o cachorro, “e não conte a ele – ou ele vai querer que eu passe a atender ao telefone também!” A Bíblia diz: “Não há nada melhor do que... encontrar satisfação no trabalho... esse tipo de prazer vem... de Deus” (Ec 2:24 NLT).

Max Lucado diz: “Antes de Deus dar uma esposa ou um filho a Adão... Ele lhe deu um emprego ‘no jardim... para cultivá-lo... e guardá-lo’ (Gn 2:15 NAS). Deus considera o trabalho digno do seu próprio mandamento gravado em pedra: ‘Seis dias trabalharás, mas no sétimo... descansarás...’ (Ex 34:21 NAS). Mas a ênfase no dia de descanso pode fazer com que não observemos a ordem de trabalhar… o seu trabalho importa para Deus... e para a sociedade... As cidades precisam de bombeiros. As nações precisam de soldados. Os sinais de tráfego quebram. Ossos quebram… Alguém tem de criar filhos, plantar cana, e administrar os problemáticos! Quer você se conecte a um computador ou amarre cadarços de crianças... você está imitando Deus... Jesus disse: ‘Meu Pai nunca para de trabalhar... então eu continuo trabalhando também’ (Jo 5:17 NCV).

A sua carreira consome a metade da sua vida. Então, será que ela não deveria transmitir o amor de Deus? Será que essas quarenta a sessenta horas semanais não pertencem a Ele também? A Bíblia não sugere que sejamos viciados em trabalho usando-o como remédio para a dor, mas Deus chama os fisicamente capazes para cultivar os jardins que Ele dá... Portanto, use a sua especialidade (aquilo que só você faz), para fazer algo grande para Deus (a razão pela qual você faz), todos os dias da sua vida ”.

Porção diária: Porção Diária: Leia Rm 13:12 - 14:199, Jo 1:1-14

Nenhum comentário:

Postar um comentário