terça-feira, 25 de outubro de 2011

Você está dentro do campo ou na arquibancada?

A Missão da Igreja é EVANGELIZAR. A Missão do crente é EVANGELIZAR. Todo crente, de uma maneira ou de outra, precisa estar envolvido na Missão da Igreja. Precisa ser um evangelizador. O apóstolo fala de pessoas que precisam ouvir a Palavra, de pessoas que precisam ser enviadas para falar a essas, e de pessoas que precisam enviar (o que inclui orar e contribuir em favor dos que são enviados.) Você precisa estar em algum elo nesta corrente.

Um dos líderes internacionais da JOCUM apresentou estudos interessantes sobre a vida cristã e focalizou a questão do evangelismo. Em ESTILOS DE EVANGELISMO ele deu os sete itens a seguir.

1. O Evangelismo precisa ser intencional. Ou seja, o evangelismo não é algo que deve acontecer por acaso. Nós, como crentes, precisamos ter a intenção de evangelizar, procurar as pessoas, falar-lhes de Jesus. Precisamos criar ocasiões propícias para a evangelização.

2. Evangelismo Pessoal. O Evangelismo pessoal, ou seja, de pessoa a pessoa, tem sido o mais eficaz através do tempo. É o evangelismo que se faz aproveitando as amizades, ou os encontros ocasionais com outras pessoas. Jesus o usou com Nicodemos, com a mulher samaritana e tantos outros e Filipe evangelizou assim o Eunuco. O exemplo clássico que temos é o de André.

3. Evangelismo Testemunhal. É o tipo de evangelismo em que se dá o seu testemunho. É um dos tipos mais eficazes. Você conta a sua experiência de salvação a outras pessoas. Como elas vão poder contestar a sua experiência? O exemplo que temos é do cego de nascença que foi curado por Jesus.

4. Evangelismo Intelectual.  É o tipo de evangelismo apresentado a pessoas intelectualizadas. Paulo o usou no areópago, falando aos filósofos epicureus e estóicos.

5. Evangelismo de Convite*. Esse tipo de evangelismo é aquele em que as pessoas convidam os não crentes para cultos na igrejas, em seus lares. Muitas pessoas já se converteram através de convites aceitos. *

6. Evangelismo Sobrenatural.  É o evangelismo em que se usa o sobrenatural do Evangelho, como curas, libertação e expulsão de demônios. Foi um tipo muito usado por Jesus e os apóstolos.

7. Evangelismo pelo Exemplo. É aquele em que as pessoas demonstram amor, misericórdia a outras. Um vizinho que esteja necessitado e é ajudado, por exemplo.               

O importante é que você evangelize. Não fique de fora!
 
 
  
 

 Pr. Elieser Salles, mobilizador para Expansão do Reino de Deus !

Nenhum comentário:

Postar um comentário