segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Muito prazer, eu sou o melhor amigo de Satanás


Muito prazer! Eu sou o melhor amigo de Satanás.

Minha maior alegria é desvirtuar o crente em Jesus, fazendo-o afastar-se das verdades pregadas pelas Escrituras.

Minha filosofia é ambígua, meu lema é o prazer.

Eu gosto de alegrar o meu amigo diabo, para tanto, não meço esforços, oferecendo aos filhos de Deus migalhas espirituais.

Gosto de levá-los a balada, de oferecer-lhes drogas e bebidas, além de sexo descompromissado, afinal de contas, o que é importa é ser feliz.

Minha alegria consiste em fazer com que os cristãos  relativizem tudo e todas as coisas, até porque, o absoluto não existe não é verdade?

Me satisfaço em vê-los "pegando" todo mundo, namorando os incrédulos, xingando palavrões e adorando o sexo.

Agora, uma das minhas maiores alegrias é incentivá-los  ao secularismo! Fico em estado de êxtase quando descubro que um crente ama o dinheiro e tudo aquilo que ele pode dar. Me regozijo com o consumo desenfreado, pela busca da satisfação pessoal e pela alegria do pecado.

Isso mesmo, o pecado é meu parceiro, e parceiro do meu amigo satanás.

Ah! meu nome? Já ia esquecendo de me apresentar.

Muito prazer, me chamo mundo.

“Não ameis o mundo nem as cousas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; porque tudo que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não procede do Pai, mas procede do mundo.” (1 João 2.15-16)

Renato Vargens

Nenhum comentário:

Postar um comentário